Brasil hoje

Elifas fala de sua esperança no País em lançamento do livro do Almanaque Brasil

Elifas Andreato lançou, na noite de terça (19), o livro Almanaque Brasil – 2017/2018 no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo. A publicação traz o melhor já feito pela revista Almanaque Brasil, idealizada pelo artista gráfico e distribuída em voos da TAM entre 1999 e 2014.

Elifas contou que o lançamento é o resultado de mais de 15 anos de dedicação própria e de sua equipe em nome da boa memória nacional. Em suas palavras, nas páginas do livro estão registrados os mais importantes batalhadores pela “riquíssima cultura brasileira”.

“O Almanaque é uma trincheira de divulgação dos bons exemplos e dos grandes brasileiros que nos fizeram chegar até aqui. Apesar dos tropeços e das dificuldades, há muita gente trabalhando para este país encontrar um rumo melhor. Tenho, como sempre tive, muita esperança no Brasil”, afirmou o mais notório capista de discos da história nacional.

Lançamento10
Elifas e as netas (foto: Bento Andreato)

O artista também falou sobre o lançamento do novo site do Almanaque Brasil, editado pelo jornalista Bruno Hoffmann e sob coordenação-editorial de Bento Andreato, que reúne as histórias já publicadas pela versão impressa com novas reportagens e entrevistas.

Em menos de dois meses no ar, o site do Almanaque entrevistou o escritor Ferréz, os rappers Rincón Sapiência e Rappin Hood, as educadoras Claudia Zuppini e Helena Singer, o colunista Chico Barney e o cartunista Ricardo Coimbra.

Convidado a falar para os presentes, o apresentador Rolando Boldrin lembrou da ponte que fez entre Elifas e o comandante Rolim Amaro, então presidente da TAM, em 1999, para que a revista pudesse ter sido lançada. Declamou, ainda, o seu notório poema Sr. Brasil:

Minha terra é uma grande pessoa / Meu País é a criança pura, boa, inocente / É também o sofrido adolescente, / Ou então, o jovem combativo e sonhador / E agora, em tempo novo redivivo, / Eis que meu país se prepara em tom definitivo, / Para ser tratado de Senhor / Sr. Brasil.

Lançamento8
O autor e Rolando Boldrin (foto: Bento Andreato)

Em entrevista ao site do Almanaque, o músico Criolo destacou a importância do idealizador da publicação para a cultura brasileira.

“Elifas é uma dessas pessoas especiais que conseguem transformar sentimentos em imagens. Não dá para saber de que canto vem sua genialidade. Ele é um ser humano incrível, uma pessoa de enorme solidariedade e bondade. Nele, tudo é gigante. Essas pessoas fazem diferença na vida da gente. Elifas é diferente”.

Almanaque Brasil – 2017/2018 é produzido pela Pró-Autor e traz o patrocínio da Caixa, da Petrobras e do Governo Federal. Para comprar, acesse a loja do Almanaque.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Da Redação do Almanaque Brasil