35 – Fevereiro de 2002

26…………………….Dia do Comediante

MISSÃO SIMPLES PARA UM GÊNIO: FAZER RIR

Maior comediante dos anos 1960/70, pelo menos três gerações já riram com seus bordões, caretas e tiques. Ronald Golias é saudado pelos comediantes como iniciador de uma escola de humorismo brasileiro.

O paulista Golias nasceu em São Carlos. Lá aprendeu a observar tipos e ganhou experiência para criar personagens. Jovem, foi morar em São Paulo. Trabalhou como aqualouco e viajou pelo País com o circo antes de ir para o rádio, de onde passou para a televisão. Por 20 anos trabalhou nas redes Record e Tupi.

Criou todos os tipos que encarna. O primeiro papel foi um tipo nervoso chamado ironicamente de Pacífico. Seja como Carlo Bronco Dinossauro, da Família Trapo, professor Bartolomeu, Profeta ou Pacífico da Praça da Alegria, Golias faz humor com o cotidiano. Explora o sentido dúbio das palavras, o toque caipira de outras e com facilidade fica vesgo, afunda as bochechas, franze a testa e anda desajeitadamente. Diz que sua missão na vida é fazer a gente rir.