Banner
Primeira escola de samba não era escola de samba E-mail
Escrito por redação   

Ismael Silva apelidou o bloco com o nome Deixa Falar.

No bairro carioca do Estácio de Sá, dia 12 de agosto de 1928, o compositor Ismael Silva reuniu no porão de casa parceiros de samba e malandragem. Queriam criar bloco de carnaval que incorporasse novo tipo de samba. O estilo dominante ainda se parecia com maxixe: bom para dançar em salão, pouco indicado para desfile carnavalesco.

"A gente precisava de um samba para movimentar os braços para frente e para trás", explicou Ismael. O que iriam comentar? "Deixa falar", encerrou Ismael. Pronto, era o nome. Mas faltava algo.

Ali perto, no Largo do Estácio, havia uma "escola normal". Ismael resolveu: o bloco se chamaria Escola de Samba Deixa Falar. Afinal, ali só havia "professor de samba". Durou cerca de dez anos e espalhou sementes.

Escola de samba virou sinônimo de carnaval pelo Brasil e mundo afora. Já tem nos Estados Unidos, Japão, Paraguai, Inglaterra, Finlândia e vários outros países.
 

Adicionar comentário

Seus comentários serão moderados e assim que aprovados serão publicados no site.